Pular para o conteúdo principal

Spring Brasil User Group nasceu saudável em 2010

O Spring Brasil User Group nasceu forte e saudável junto com o ano novo e, com menos de um mês de vida, já conta com mais de 100 membros. Venha participar também desta comunidade! Se ainda não é um membro, clique aqui!.

Este grupo é uma rede social dedicada a fortalecer e fomentar a comunidade de usuários e desenvolvedores das tecnologias relacionadas ao Spring Framework.

Fórum, Blog, Notícias e Chat <=> Comunidade

O Spring Brasil User Group, carinhosamente apelidado de SBUG, está baseado na infraestrutura do site de redes sociais chamado Ning e, por isso, disponibiliza os mecanismos de fórum, blog, publicação de fotos e vídeos, divulgação de eventos e troca de mensagens entre os integrantes do grupo. Portanto, esta rede social permitirá a todos os participantes enviar dúvidas ou abrir discussões através do fórum, escrever notícias ou mini-tutoriais sobre Spring no blog e acompanhar as novidades e possíveis reuniões virtuais ou presenciais do grupo.

De maneira tímida alguns membros começaram a escrever no fórum e no blog do SBUG. Alguns outros membros escreveram comentários nas postagens. Mas as ferramentas da comunidade estão abertas para qualquer um contribuir. Se desejar, coloque lá as suas dúvidas sobre o framework, compartilhe a sua experiência em forma de tutoriais ou responda as dúvidas.

Casual Class #10 - Spring Platform

Através de um grande apoio e incentivo da Globalcode realizaremos uma reunião presencial do SBUG em formato de Casual Class no auditório da Globalcode em São Paulo. Neste Casual Class abordaremos a plataforma da SpringSource e não somente o produto mais famoso Spring Framework. Este evento será muito especial, reunindo diversos profissionais com experiência prática. Contaremos com a participação de membros do Spring Brasil User Group e instrutores da Globalcode que farão uma apresentação do framework, o lançamento oficial do grupo, uma apresentação sobre a integração do Spring com o cenário de Cloud Computing, uma apresentação da ferramenta de produtividade Spring Roo e as ferramentas de produtividade como SpringSource Tool Suite, tc Server e dm Server. As inscrições estão abertas através do site www.casualclass.com.br.

Marque na sua agenda: 26 fevereiro 2010 de 19:00 a 22:30 no auditório da Globalcode em São Paulo. Exporte agendamento para Outlook ou iCal (.ics).

Spring 2.5 e Cloud Foundry

Recentemente disponibilizei para download, através do SBUG, uma aplicação web simples e completa usando Spring Framework, JSF, Richfaces e JPA. Os detalhes técnicos desta aplicação foram apresentados num artigo no periódico Java Magazine com o titulo Criando uma aplicação web com Spring. Outros detalhes sobre esta aplicação e link para download podem ser encontrados clicando aqui. Esta aplicação será evoluída para aplicar os novos recursos do Spring Framework 3.0 e será apresentada no Casual Class agendado. Em breve, o código fonte desta nova versão estará disponível para download.

Por enquanto (até 05/fev), a aplicação web de exemplo baseado no Spring Framework 2.5 estará disponível para acesso online na plataforma de computação em nuvem da SpringSource e, chamada de SpringSource Cloud Foundry, acessível através de um endereço disponibilizado pela Amazon Web Services (Elastic Cloud Computer): Exemplo Globalcode Casual Class Spring 2.5.

Para outros detalhes leia o post no SBUG: Aplicação web com Spring 2.5 no Cloud Foundry.

JAVA + PIZZA + CERVEJA + VOCÊ = CASUAL CLASS

Venha fazer networking, trocar conhecimento, conhecer outros membros do grupo além de se divertir bastante no Casual Class!


Aguardamos a sua presença no Spring Brasil User Group! Venha participar, contribuir, fortalecer e fomentar a comunidade de usuários do Spring Framework no Brasil.

By Spock
http://blog.spock.com.br/
http://twitter.spock.com.br/
http://springbrasil.ning.com/

Comentários

Yara Senger disse…
Quase 4 meses!

Postagens mais visitadas deste blog

Melhorando Performance de JPA com Spring Web Flow

No TDC2009 realizado pela Globalcode em São Paulo foi apresentado um Lightning Talk sobre um problema específico de performance em aplicações Web com JPA e uma possível solução usando o Spring Web Flow . Num período de 15 minutos, os slides a seguir foram apresentados e seguidos de alguns vídeos de demonstração de uma aplicação Web em execução. Melhorando performance do JPA com Spring Web Flow View more presentations from Dr. Spock . Nesta apresentação foi dito que temos encontrado problemas de performance em aplicações Web que utilizam as tecnologias JSF + JPA + Ajax quando precisamos gerenciar um contexto de persistência (EntityManager). Estes problemas se manifestam quando aplicamos uma resposta errada para a pergunta: Como gerenciar o contexto de persistência numa aplicação Web? Se as aplicações não usam Ajax e limitam-se ao modelo orientado a requisições, a solução mais comum é o uso do design pattern chamado "Open Session In View Filter". Através deste design

Dica rápida: Apagando registros duplicados no MySQL

Ola pessoal, Sei que vocês estão acostumados a ver posts meus sobre tecnologia móvel ou algo relacionado, mas hoje vou falar sobre um pequeno "truque" que usei esse final de semana com o MySQL. Eu estava desenvolvendo o lado servidor de uma nova aplicação mobile (ahh, então "tem a ver" com mobile hehe), e quando fui fazer alguns testes percebi que tinha quase 7 mil registros duplicados (!!!) na minha base de dados! Bom, o meu primeiro reflexo como programador foi pensar em fazer um "programinha" Java para buscar e deletar todos esses registros duplicados. Mas ai, resolvi tirar as teias de aranha dos neurônios e usar os vários anos de experiência que passei com SQL e criar uma query que fizesse esse trabalho todo de uma vez!! E a query ficou assim: delete from TABLE_NAME USING  TABLE_NAME, TABLE_NAME  AS  auxtable WHERE   ( NOT  TABLE_NAME.id  =  auxtable.id ) AND   ( TABLE_NAME.name  =  auxtable.name ) Explicação direta: TABLE_NAME

O que é Lógica de programação?

Este é o segundo de uma série de posts voltados aos leitores do blog que estão dando início à carreira de desenvolvimento de software. O assunto de hoje é a lógica de programação. Para ler antes: Entendendo como funciona a programação de computadores: linguagens de programação, lógica, banco de dados A lógica de programação é um pré-requisito para quem quer se tornar um desenvolvedor de software, independente da linguagem de programação que se pretende utilizar. Mas o que é de fato a Lógica de Programação e como saber se eu tenho esse pré-requisito? A lógica de programação nada mais é do que a organização coerente das instruções do programa para que seu objetivo seja alcançado. Para criar essa organização, instruções simples do programa, como mudar o valor de uma variável ou desenhar uma imagem na tela do computador, são interconectadas a estruturas lógicas que guiam o fluxo da execução do programa. Isso é muito próximo ao que usamos em nosso cotidiano para realizar atividad

10 reasons why we love JSF

1. One-slide technology: it's so simple that I can explain basic JSF with one slide. 2. Easy to extend: components, listeners, render kit, Events, Controller, etc. 3. Real-world adoption: JBoss, Exadel, Oracle, IBM, ... 4. Architecture model: you can choose between more than 100 different architecture. 5. Open-mind community: using JSF you are going to meet very interesting people. 6. We are using JSF the last 5 years and we found very good market for JSF in Brazil 7. Progress: look to JSf 1.1 to JSF 1.2, JSF 1.2 to JSF 2.0. People are working really hard! 8. Many professionals now available 9. It's a standard. It's JCP. Before complain, report and help! 10. Ed Burns, spec leader, is an old Globalcode community friend! EXTRA: My wife is specialist in JSF. She's my F1 for JSF :) Nice job JSF community! -Vinicius Senger

TDC ONLINE: SUA PLATAFORMA DE PALESTRAS GRAVADAS DO TDC DISPONÍVEL

Além do conteúdo ao vivo transmitido online nas edições do TDC, agora você pode ter acesso à centenas de palestras gravadas, através da nossa nova plataforma de vídeos - o TDC Online, que reúne todas as Trilhas premium, Stadium e Salas dos Patrocinadores das edições anteriores de 2022, TDC Innovation e TDC Connections.  Para acessar, basta clicar na edição em que você participou ( TDC Innovation ou TDC Connections ); Fazer o mesmo login (com e-mail e senha) cadastrados na hora de adquirir ou resgatar o seu ingresso no TDC; E clicar na Trilha de sua opção, e de acordo com a modalidade do seu ingresso. Logo em seguida, você será direcionado para a seguinte página com a lista de todas as palestras por Trilha: Pronto! Agora você tem acesso à centenas de palestras gravadas da sua área de interesse, para assistir como e quando quiser! Caso tenha esquecido a senha, clique na opção "Esqueci a senha" , insira o e-mail que você realizou para o cadastro no evento, e aparecerá a op

Devo fazer um curso ou ler um livro?

Acredito que todos os instrutores ou professores, independentemente da área, escola ou centro de treinamento, já devam ter recebido essa pergunta alguma vez na vida: devo fazer um curso ou ler um livro? Para responder a essa pergunta, precisamos avaliar os prós e contras de cada opção. Trabalho com treinamento há algum tempo e, hoje, recebi essa pergunta de um aluno. Não adianta responder a ou b sem argumentar, demonstrando as opções conforme a situação do aluno. O conteúdo, a forma de transmissão e a capacidade de assimilação do indivíduo são chaves para haver benefício maior de aprendizado. Tanto em um bom curso quanto em um bom livro, o conteúdo é a premissa básica . Por conteúdo entendemos: se está organizado; se respeita pré-requisitos; se promove o aprendizado guiado e incremental; se aborda de forma satisfatória os principais pontos; se tem bom balanço entre teoria, exemplos e prática (favorecendo exemplos e prática); se tem como premissa a acessibilidade possível (e cabível) pa